Nome:Sonia
Idade:45anos
Moro em:São Paulo/SP
Gosto de:Minha família, amigos, minha mascote, natureza, viajar, música, ler, e muito mais...
Odeio:Algumas coisinhas, mas tenho tentado conviver com elas da melhor forma possível.






Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket
Aprendi com a primavera
a deixar-me cortar
e voltar sempre inteira."







PRESENTINHOS


:: AWARD ::





SOU/FUI DESTAQUE






AWARDS GANHOS






Award do Gifs pra JESUS

MEU HOBBY


ESTOLA

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket
BOLSA

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket
CACHECOL MARINA

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket
CACHECOL JULIANA

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket
SAPATINHO TRICÔ

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket
CHALE CROCHÊ

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket
CACHECOL PRETO

Cachecol preto
CUEIROS ANA LUIZA

Cueiros Ana Luiza
TOALHINHA RAFAEL

Photobucket
TOALHINHA ANA LUIZA

Photobucket
DESCONTRAÇÃO C/JUMA

Photobucket




LINKS AMIGOS






Tony Gifs & Javas

Link-me



Histórico:

01/12/2009 a 31/12/2009
01/12/2008 a 31/12/2008
01/11/2008 a 30/11/2008
01/05/2008 a 31/05/2008
01/04/2008 a 30/04/2008



Outros sites:

- UOL - O melhor conteúdo
- BOL - E-mail grátis


Votação:

- Dê uma nota para meu blog

Indique esse Blog


Contador:

Layout




FELIZ ANO NOVO

Mensagem de Ano Novo: 1



- Postado por: Sonia às 00:00
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Onde vamos parar

Como são as coisas, ontem postei sobre o clima natalino, o quanto é gostoso  e  hoje um entre muitos acontecimentos me choca!!!

Um homem atacado dentro da livraria Cultura na Av. Paulista, por um jovem com golpes de um taco de golfe.

Onde vamos parar, nem lendo um livro, estamos seguros?



- Postado por: Sonia às 19:43
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Um pé no passado

 

 

 Para quem começou a vida muito cedo e continua curiosa e interessada nos caminhos do mundo,

as coisas às vezes ficam complicadas. É como ter um pé fincado no presente mas também um outro lá atrás, no passado; viver assim é, no mínimo, perturbador.

Esse pé no passado é nossa memória, que não nos deixa esquecer como eram nossos pais, como eles viviam, o comportamento que esperavam dos filhos – e das filhas, sobretudo. Todo mundo finge que acha tudo muito natural, mas os costumes estão mudando rápido, rápido demais, e a gente se assusta.

Com o pé no passado, lembro de coisas que não dá para acreditar: do tempo em que as desquitadas eram malvistas; do amigo que se matou porque descobriram que era gay; das duas mocinhas que frequentavam a mesma praia e eram famosas por serem as únicas não virgens do pedaço; da grande ousadia que era uma moça trabalhar quando seu destino já estava traçado: estudar francês e piano e casar; das mulheres que escondiam que pintavam os cabelos. Faz tanto tempo assim? Ok, foi no século passado, mas ainda lembro bem. Lembro até de ter ouvido falar que havia médicos especialistas em reconstituir a virgindade para que as meninas pudessem se casar vestidas de branco – dá para acreditar?

Meu pai me proibia de entrar no carro de qualquer rapaz. É claro que eu desobedecia e entrava, mas, quando passava pelos pontos mais estratégicos, abaixava para não me arriscar a ser vista.

As intimidades com os namorados eram levíssimas, e ficar de mãos dadas no cinema era quase um compromisso. O primeiro beijo na boca era contado com emoção à melhor amiga, e detalhe: era um beijo casto. Se algum garoto tentava passar a mão nos seios, e eles tentavam sempre (no cinema, sessão das 8), era considerado grave. Grave, não: gravíssimo.

 

 

Hoje, quando vejo as campanhas na televisão incentivando o uso da camisinha no Carnaval, fico grilada e acho que virei careta – vai ver, virei. Será que virei conservadora quando acho (mas não digo) que o mundo está perdido? Não, não é o mundo que está perdido. Sou eu que estou perdida. Mas lembro e tenho certeza: era diferente. Beber, fumar, experimentar maconha, dormir com um homem, chegar em casa com o sol nascendo era um posicionamento diante da vida. Não dá para negar que era divertido, mas era mais que tudo um posicionamento – e sempre muito intenso.

As mesmas coisas são feitas hoje – sexo, principalmente , mas de maneira banal. É tão simples levar o namorado para dormir no quarto, sob as bênçãos da família, que não pode ter muita graça. Alguma coisa fácil tem graça? Convenhamos: existe algo menos afrodisíaco do que ter que lembrar da camisinha?


Já vai longe o tempo em que ir para a cama com um homem era uma decisão importante, e havia sempre uma razão forte – mesmo fantasiada – para isso. Às vezes se fazia uma certa confusão entre atração física, amor e ideologia, mas assim era o mundo.

Foram muitos os doces erros da juventude, todos perfeitamente perdoáveis; afinal, quando se é jovem demais, não se pode saber tudo. Ainda bem.

Danuza Leão



- Postado por: Sonia às 01:16
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




    O amor sonha com a pureza
sexo precisa do pecado
o amor é sonho dos solteiros
sexo é sonho dos casados

Arnaldo Jabor



- Postado por: Sonia às 01:06
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




 Então é Natal!!! feliz_natal-1.gif image by iftk2

Uma época que tudo muda, basta um olhar mais apurado.

No ar um  clima festivo, troca de presentes, preparação de ceia, festa de confraternização compra de presentes e muito mais... 

Alguns tem o privilégio de estarem com todos presentes, outros não, e muitos estão sozinhos.

Sentimos falta dos que partiram sempre, mas nesta data, esta ausência se torna maior.

 

FELIZ NATAL  !!!



- Postado por: Sonia às 00:13
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




CRÔNICA PARA OS PAIS

 

 

Há um período em que os pais vão ficando órfãos dos seus próprios filhos.
As crianças crescem independentes de nós, como árvores tagarelas e pássaros estabanados.
Crescem sem pedir licença à vida. Crescem com uma estridência alegre e, às vezes, com alardeada arrogância.
Mas, não crescem todos os dias de igual maneira. Crescem de repente. Um dia, sentam-se perto de você no terraço e dizem uma frase com tal maturidade que você sente que não pode mais trocar as fraldas daquela criatura.
Aonde é que andou crescendo aquela danadinha que você não percebeu? Cadê a pazinha de brincar na areia, as festinhas de aniversário com palhaços e o primeiro uniforme do maternal? A criança está crescendo num ritual de obediência orgânica e desobediência civil. E você quer que ela não apenas cresça, mas apareça!
Ali estão muitos pais ao volante, esperando que eles saiam esfuziantes sobre patins e cabelos longos,soltos...
E lá estão nossos filhos com o uniforme de sua geração: incômodas mochilas da moda nos ombros.
Há um período em que os pais vão ficando um pouco órfãos dos próprios filhos.
Não mais os pegaremos nas portas das discotecas e das festas.
Passou o tempo do ballet, do inglês, da natação e do judô.
Saíram do banco de trás e passaram para o volante de suas próprias vidas.
Deveríamos ter ido mais à cama deles ao anoitecer para ouvir sua alma respirando conversas e confidências entre os lençóis da infância, e os adolescentes cobertores daquele quarto cheio de adesivos, pôsteres, agendas coloridas e discos ensurdecedores.
Não os levamos suficientemente ao parque, ao shopping, não lhes compramos todos os sorvetes que gostaríamos.
Eles cresceram sem que esgotássemos neles todo o nosso afeto.
No princípio, subiam a serra ou iam à casa de praia entre embrulhos,bolachas, engarrafamentos, natais, páscoas, piscina e amiguinhos.
Sim, haviam as brigas dentro do carro, a disputa pela janela, os pedidos de chiclete e cantorias sem fim.
Depois chegou o tempo em que viajar com os pais começou a ser um esforço, um sofrimento, pois era impossível deixar a turma e os primeiros namorados.
Os pais ficaram exilados dos filhos. Tinham a solidão que sempre desejaram, mas de repente, morriam de saudades daquelas "pestes".
Chega o momento em que só resta aos pais ficar de longe torcendo e rezando muito (nessa hora, se a gente tinha desaprendido, reaprende a rezar) para que eles acertem nas escolhas em busca da felicidade.
E que a conquistem do modo mais completo possível.
O jeito é esperar. Qualquer hora podem nos dar netos.
Neto é a hora do carinho ocioso e estocado, não exercido nos próprios filhos e que não pode morrer conosco.
Por isso os avós são tão desmesurados e distribuem tão incontrolável carinho.
Os netos são a última oportunidade de reeditar o afeto que tanto queriam, mas não puderam, dar aos filhos.
Por isso é necessário fazer alguma coisa a mais, antes que eles cresçam.
É isso aí. Só aprendemos a ser filhos depois que somos pais.
Só aprendemos a ser pais depois que somos avós... alguns só aprendem a viver depois que não têm mais vida!"

Retirado da net



- Postado por: Sonia às 09:20
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




DUAS PÉROLAS

Duas pérolas eu tenho,
as mais lindas do universo
cultivadas com empenho dignas de um verso.

 

De olhos brilhantes e grandes
cabelos de seda pura faces rosadas e radiantes
dignas de minha ternura.
Por elas eu me desdobro
não sinto tristeza ou dor,
o que dou à elas não cobro são dignas do meu amor.
São filhas queridas, desejadas
são frutos e flores perfumadas
são tudo, são filhas amadas
são vocês, filhas adoradas.

 

 

Aut.Maria Moura

 

 

Achei linda esta poesia e acredito ter este grande tesouro DUAS PÉROLAS


- Postado por: Sonia às 09:17
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________






- Postado por: Sonia às 01:01
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________






- Postado por: Sonia às 00:42
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




 

 



- Postado por: Sonia às 23:14
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Pegue o seu no Magia Gifs!



- Postado por: Sonia às 22:06
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




A morte não é a maior perda.

A maior perda da vida, é o que morre dentro de nós,
enquanto vivemos.








- Postado por: userID: 989874890569firstName: Sonia às 18:10
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________







- Postado por: userID: 989874890569firstName: Sonia às 16:12
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Pegue o seu no Magia Gifs!

- Postado por: userID: 989874890569firstName: Sonia às 16:10
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________






Quero neste Natal
Desejar não somente que tenha muitas felicidades neste dia
Mas sim que Milagres te dominam,
E te faça perceber que Natal
Não está somente na virada do dia 24 de Dezembro para o dia 25,
Mas está em todos os dias do ano.
Nesta virada está apenas a concretização de todos os desejos
Feitos durante todo o ano que se passou.
A noite de Natal é fantástica
A cidade fica toda iluminada,
As pessoas sorridentes,
E em instante tudo fica em paz...
O Milagre do Natal
Está no nascimento de nosso salvador
Jesus Cristo,
Ele com toda certeza não deseja um único instante de paz,
Mas deseja que todos tenham um milagre dentro de si.
O céu se ilumina,
Em homenagem a este dia tão sagrado entre todas as famílias.
Os pedidos são de prosperidade, paz e amor...
Mas se Natal é todos os dias do ano,
Por que então deixar para desejar felicidades
Somente em um único dia destes 365???
O Milagre de Natal está no sorriso que no dia-a-dia
Encontramos nas pessoas andando nas ruas,
Nas crianças brincando,
Enfim
O Milagre Natalino está no desejo de cada um de ser feliz.
Pois Milagres existem sim,
Principalmente com tamanha benção de Deus,
Muitas Glórias, Conquistas e Emoções podem ser desejadas
Pois o Natal do dia 25 está chegando,
Faça seus desejos e acredite em todos eles,
Pois estão prestes a se concretizar nesta noite especial...
FELIZ NATAL!!!
E MUITA PROSPERIDADE NESTE DIA
E EM TODOS OS DIAS DO ANO
QUE ESTÁ PRESTES A NASCER!!!



- Postado por: userID: 989874890569firstName: Sonia às 18:37
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________